Ópera de Arame

 

É um dos principais cartões postais de Curitiba. Inaugurado em 1992, no Parque das Pedreiras, próximo ao Espaço Cultural Paulo Leminski.

 

Curitiba

Artes

Parques

 

A Ópera de Arame foi construída em estrutura tubular e teto de policarbonato transparente. O projeto é do arquiteto Domingos Bongestabs, professor do departamento de Arquitetura e Urbanismo da UFPR, o mesmo autor do projeto da Unilivre. Tem capacidade para 2.400 espectadores e um palco de 400m² destinado a apresentações artísticas e culturais.

 

 

O cenário externo da Ópera de Arame é igualmente belo. Era o local onde funcionava uma antiga pedreira. Hoje, pode-se apreciar a mata nativa, um lago com carpas, uma cascata de 10 metros e várias espécies de aves.

 

Ópera de Arame, no Parque das Pedreiras.

 

Curitiba

 

Santa Felicidade

 

 

Fica na rua João Gava, bairro do Pilarzinho. Visitas: terça a domingo, das 8h às 21h. Tel. (41) 3355-6072. Visite, também, a página dedicada ao Parque das Pedreiras.

 

A Ópera de Arame em Curitiba

 

Abertura do 20º Festival de Dança de Curitiba, na Ópera de Arame, 19.09.2003 (foto M. Willian).

Saiba mais sobre dança em Curitiba►

Teatros de Curitiba

 

Guia Geográfico Curitiba - Arquitetura do Teatro Ópera de Arame na Pedreira

 

Mapas endereços Curitiba

 

Arquitetura da Ópera de Arame

Ópera de Arame

Festival de Dança de Curitiba

 

Arquitetura da Ópera de Arame integrada com o meio ambiente.

 

A construção em três níveis da Ópera de Arame, ambientada na área de uma antiga pedreira.

 

 

Ensaio na Ópera de Arame, em Curitiba.

 

Ópera de Arame em Curitiba Paraná

 

 

Ópera de Arame em Curitiba Paraná